A Assessoria Técnica Independente Paraopeba Nacab finalizou, no final de julho, os relatórios técnicos para as comunidades atingidas pelas cheias do rio Paraopeba em 2020. Esses documentos trazem um panorama geral da área atingida, os principais danos identificados, as medidas de reparação adotadas pela Vale S.A e as recomendações técnicas para a reparação justa e integral, para cada uma das localidades atingidas pelas cheias na Região 3.

Entre setembro e março de 2021, foram vistoriados 132 pontos de inundação em toda a região. Foram visitadas ao longo desse trabalho 120 propriedades, nas quais foram coletados 851 pontos de interesse, como limites da zona de inundação, áreas atingidas e edificações. 

:: Saiba mais aqui e veja fotos do trabalho de levantamento. 

Com os dados coletados em campo, estimou-se uma área atingida de 10.720,82 hectares ao longo de toda Região 3. A maior parte da área atingida foi identificada nos municípios de Paraopeba e Papagaios (3376,4 e 1737,32 hectares, respectivamente). Esse valor é cerca de 64,8% maior que as áreas que foram identificadas como alagadas pela empresa Synergia, consultora da Vale S.A.  

 

Dentro da área atingida, foram mapeadas 343 edificações diretamente atingidas, a maior parte dentro do município de Esmeraldas (200 edificações). Foram ainda quantificados a quilometragem de estradas e de outros cursos d’águas atingidas pelas cheias.

Esse levantamento deverá contribuir na construção da matriz de danos e no tratamento de demandas das pessoas atingidas, auxiliando no processo de reparação ao longo da calha do rio Paraopeba. 

Veja imagens de alguns dos danos identificados:

O relatório técnico de campo da sua comunidade/localidade pode ser encontrado ao final desta matéria.  As devolutivas com os resultados encontrados estão sendo realizadas pelo escritório que atende o seu município. Procure o analista ponto focal da sua comissão para saber a data e como participar! 

A ATI Paraopeba Nacab está finalizando também o documento integrado com os resultados de toda a Região 3. Esse documento será enviado às Instituições de Justiça e demais entidades que participam do processo judicial que trata do desastre-crime da Vale na Bacia do Paraopeba. Além disso, o documento técnico na íntegra será compartilhado aos atingidos assim que as devolutivas por comunidade forem finalizadas.  

O Nacab agradece a todas as pessoas atingidas que receberam e ajudaram as equipes em campo ao longo do processo de consulta. Seguimos na luta pela garantia dos direitos e pela reparação integral dos danos! 

As cartilhas com os resultados do estudo de solos e de cheias em formato mais simplificado, já foram compartilhadas com as comissões e estão disponíveis na seção Publicações de nosso site.

Acesse abaixo os relatórios do estudo de cheias por comunidade/localidade: 

Esmeraldas
Florestal
Fortuna de Minas
Maravilhas
Papagaios
Pará de Minas
Paraopeba
Pequi
São José da Varginha

Texto: Ramon Neto Rodrigues e Raul Gondim
Fotos: Equipe Nacab/ATI Paraopeba